Últimas Notícias

Publicada em 14.01.2013 ás 11:56

Oito mortes violentas no Cariri sendo metade no trânsito

Por:

O jovem Cristiano Clementino morreu na noite de ontem em acidente com moto na Rua do Horto (Foto: Michel Dantas/Agência Miséria)

O final de semana na região do Cariri deixou um saldo de oito mortes violentas, sendo quatro delas no trânsito que, mais uma vez, se tornou o vilão. As outras mortes foram dois homicídios, uma descarga elétrica e uma espécie de soterramento com o desabamento de um muro. Juazeiro do Norte liderou o ranking de corpos enviados ao IML (Instituto Médico Legal) com três deles, seguido por Ipaumirim, Caririaçu, Crato, Barbalha e Brejo Santo.

O primeiro corpo a chegar foi o de José Benilson dos Santos Silva ainda na sexta-feira, vítima de homicídio por espancamento em Crato. Por volta das 18 horas daquele mesmo dia, no Sitio Serrote Grande na zona rural de Ipaumirim, o agricultor Dorgival Barbosa de Sousa Nascimento, de 44 anos, ali residente, morreu quando retirava tijolos do muro de uma casa vizinha à sua. A parede desabou sobre a vítima que faleceu no local do acidente.

Outros quatro corpos chegaram no sábado, sendo o primeiro do aposentado José Sidênio Máximo Alves, de 93 anos, vítima de um acidente de trânsito em Brejo Santo. Já por volta das 14 horas o jovem Cícero Joseamersson de Sousa Silva, de 24 anos, o Cícero Besouro, que residia na Rua Ivani Feitosa, 01 (Tiradentes) foi assassinado na Rua São Cândido (Salesianos). Ele ainda tentou escapar da sanha de seus algozes, sendo perseguido por dois homens que trafegavam em uma moto.

A vítima foi alvejada com dois tiros nas costas morrendo no local. Segundo seu pai conhecido como Dias Eletricista, o rapaz retornou de São Paulo em outubro para onde viajou após passagens na Delegacia de Juazeiro do Norte por furto. Além disso, era acusado de uma lesão corporal e suspeito do envolvimento com drogas. O crime está sendo atribuído a um adolescente de 14 anos e seu irmão, residentes no bairro Salesianos, os quais seriam filhos de um policial.

Três horas depois, o agricultor Severino dos Santos, de 35 anos, que residia no Sítio Carozol na zona rural de Caririaçu, morreu em conseqüência de um choque elétrico. Já Francisca Rosa dos Santos, de 57 anos, foi a óbito após se envolver em acidente de trânsito em Barbalha. No domingo, chegaram mais dois corpos para serem necropsiados no IML. Por volta das 14h30min houve uma colisão entre um Fiat Palio Weekend e uma moto na rodovia que liga Juazeiro e Caririaçu.

O acidente aconteceu em uma curva entre a Vila Padre Cícero e o Sítio Riachão. O carro dirigido pelo jovem João Paulo Cabral, de 27 anos, bateu na moto Yamaha YBR de cor vermelha que viajava no sentido Caririaçu. A mesma era pilotada por Francisco Marques da Silva Neto, de 20 anos, que morreu no local. Ele conduzia duas mulheres socorridas em estado grave para o hospital por uma ambulância de Caririaçu que passava na estrada.

O piloto e as garupeiras foram arremessados para fora da pista quando Francisco sofreu fraturas múltiplas. O motorista do FIAT, segundo a polícia, fugiu a pé por dentro do mato sem ser localizado nem mesmo com a ajuda do helicóptero da CIOPAER. O último corpo a dar entrada no IML foi do jovem Cristiano Clementino da Silva, de 24 anos. Por volta das 21 horas, na Rua do Horto, bairro do mesmo nome em Juazeiro, ele pilotava sua moto Honda Fan de cor prata e placa HYH-7040, inscrição do Ceará, quando colidiu em uma Yamaha YBR 125E de placa KKI-7796 também de Juazeiro. Esta última era pilotada pelo jovem Adilson Leandro, de 27 anos, que foi socorrido pelo GSU do Corpo de Bombeiros para o Hospital Regional do Cariri.

Agência Miséria

Comentarios