plantão

Últimas Notícias

Publicada em 27.11.2013 ás 15:59

FORTALEZA: Mulher morre atropelada ao voltar do enterro da sogra

Por:

A família do agricultor José Mendes viveu o drama de perder dois parentes no mesmo dia. A dona de casa Maria Araci Mendes voltava do enterro da sogra quando foi atropelada e morta na noite da terça-feira (26) na BR-116. O motorista fugiu e quem presenciou o acidente reclamou da demora do atendimento do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). “A partir de hoje, a vida mesmo acabou. Agora, que eu perdi a minha avó e a minha mãe”, lamenta o filho da vítima.

“De manhã, viemos fazer o enterro da minha mãe e agora vai ser a minha mulher”, lamenta o agricultor José Mendes. A mulher de 55 anos atravessava a rodovia junto o com o marido e o filho para pegar um van em direção a Horizonte depois do enterro da sogra no Jardim das Oliveiras, em Fortaleza, mas foi atropelada a caminho. Segundo testemunhas, o veículo estava em alta velocidade.

O caminhoneiro Diego Nazário estava próximo ao local do acidente. Ele chamou o Samu, mas teve dificuldades em conseguir socorro para a vítima. “O telefone está toda hora ocupado”. Segundo o marido da vítima, eles conseguiram falar com o serviço, mas o atendimento demorou a chegar. “Passei mais de meia hora e, quando chegaram, disseram que ela estava morta”, diz José Mendes.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, o motorista não foi localizado, mas tem a placa do carro e repassou para a Polícia Civil. O motorista cometeu crime de omissão de socorro e evasão do local do acidente. Além de crime, a omissão é considerada uma infração gravíssima prevista no Código de Trânsito Brasileiro.

As punições são sete pontos na carteira, suspensão do direito de dirigir, além de multa no valor de R$ 957. O Samu informou que vai investigar se houve problemas com o registro do chamando e se a ambulância demorou para chegar ao local do acidente.

G1 CE

Comentarios